Descoberta a forma mais eficiente de acabar com o estresse

971
0
Compartilhe:

aaa

Psicólogos já afirmaram repetidas vezes: o casal que dorme abraçado tem uma relação mais calorosa e confiável. Mas, além disso, a famosa ‘conchinha’ tem outro benefício: faz bem à saúde!
Pesquisadores da Universidade de Pittsburgh chegaram à conclusão de que dormir abraçado à pessoa amada reduz no sangue o nível de cortisol — hormônio responsável pelo estresse. O mais provável é que isso aconteça porque, quando abraçadas, as pessoas se sentem protegidas ao máximo. Ao mesmo tempo, o alto nível de cortisol pode gerar o surgimento de doenças cardíacas, depressão e problemas no sistema imunológico.

Os cientistas ressaltaram ainda que dormir agarradinho favorece a produção de oxitocina, o ‘hormônio do amor’, que ajuda a estabelecer vínculos de carinho. Além disso, tal hormônio estimula o sistema imunológico e pode melhorar até a digestão.

Resumindo: você que gosta de dormir de ‘conchinha’ acaba de ganhar mais um motivo para fazê-lo. Afinal, o amor não é apenas gostoso de sentir, mas também muito saudável!

Leia também:  7 fatos sobre o amor que todo casal deveria conhecer